URI | Santo Ângelo

Formanda de Farmácia da URI Santo Ângelo fará Mestrado no Canadá

10 de dezembro de 2018

 

A formanda do curso de Farmácia da URI Santo Ângelo Bruna Dutra (graduação dia 12 de janeiro/2019), está afivelando as malas para fazer o Mestrado em Ciências Médicas, na área de Imunologia, no departamento de Gastroenterologia da University of Alberta, em Edmonton, Canadá, para onde viaja em janeiro próximo.

Segundo a própria Bruna, um dos fatores mais importantes para esta conquista foi sua participação no Programa Ciência sem Fronteiras. Ela realizou o estágio, uma das atividades do Programa, com o professor que agora será seu orientador. “Quando acabei o estágio fui convidada a retornar para mestrado. O programa Ciência sem Fronteiras foi muito importante para meu crescimento acadêmico e pessoal. Com toda certeza ampliou meus horizontes e me permitiu sonhar em realizar um mestrado fora do país. Além disso, foi a partir do Programa que aprendi um novo idioma e entrei em contato com o professor que virá a ser meu orientador de mestrado. Aliás, conhecer outro idioma foi fundamental para a aprovação no mestrado, além de ter me auxiliado durante a graduação, pois grande parte dos artigos científicos de maior relevância estão em Inglês”.

Mas apenas a experiência internacional não seria suficiente, pois foi antecedida de outras realizações: “Tive a oportunidade de ser bolsista de pesquisa e extensão na URI por dois anos, sempre procurei participar de congressos e seminários (tanto como ouvinte, quanto apresentando trabalhos), e mantive boas médias nas disciplinas do curso”.

Ao referir-se à graduação Bruna afirma que “o curso me oportunizou aprender com grandes mestres e me permitiu participar de projetos de pesquisa que contribuíram para a aprovação no mestrado. Em especial, gostaria de agradecer meus dois orientadores, o professor Leandro Nicolodi Francescato e a professora Izabel Almeida Alves, minhas grandes inspirações para seguir a carreira de pesquisa”.

Questionada se já pensa em algo para depois do mestrado, Bruna diz que “tenho planos de seguir a carreira acadêmica, e possivelmente continuar no ramo da pesquisa”.